23 outubro 2009

EU, É MAIS BOLOS


Depois de ter visto a "Grande Entrevista", hoje, na 1, interrogo-me se o que aparentemente julgo ser uma camisa com a fralda de fora e um carrinho de transporte de malas de viagem, não será antes uma bata hospitalar e um adarilho modernaço. O homem está completamente alucinado.
Ninguém se queixa ao Paquete de Oliveira?!
Fdp de serviço público...

7 comentários:

Privada, o bacoco disse...

Ei não sabia, quer dizer sabia que ele estava muito doente e por isso estava interessado em saber se tem novas visoes das coisas. Eh pá, se nao fosses tu JG nunca saberia. Vou procurar . Gracias

Maria Manuela disse...

O homem é alucinado, deliciosamente alucinado há anos. Antes gente doida do que ressabiados de esquerda armados em intelectuais.

:)

jg disse...

PRIVADA:
O fulano é só visões!

M. MANUELA:
Em boa verdade, a única maneira de viver pacificamente neste lugarejo é estando em constante estado de alucinação.

Sardanisca disse...

Maria Manuela:abra o seu (decerto) deliciosamente alucinado espaço ao reles mortal,para ficarmos com a certeza que não é (também) uma ressabiada de esquerda armada em intelectual.E elitista,já agora.

Quanto a Lobo Antunes,já o referi bastas vezes:já não há pachorra.

Desculpe lá a franqueza.

privada disse...

Está desculpada, pl menos da minha parte.

Ora Jg , o tipo se nao fosse escritor era esquizofrenico, sobe cai, ri arrepende-se da gargalhada, escreve corrige, depois desfaz o lirvo com um novo livro e nunca chega a uma conclusão. Eu gosto. "porque Carlos, porque?" Ouça é um convite à divina parodia. Mas faz mal ler livros um gajo fica alucinado, e Portugal devia deixar-se disso.

jg disse...

SARDANISCA:
A Maria Manuela é uma mulher como já não há, meu caro.
Uma senhora.

O blog dela, confesso, é uma delícia.

PRIVADA:
Há garantia de que o fulano não seja alucinado e esquizofrénico?!
Eu não estaria tão certo do contrário.

Sardanisca disse...

Será,será.
Não estou na guest list.

Fico irritado quando alguém diz de Lobo Antunes algo diferente de "é um presunçoso de merda".