18 maio 2009

PRATA, OURO e PLATINA!

Ontem vi cinco minutos, repartidos, de Globos de Ouro.
Uma merda, na minha opinião.
No vómito da passadeira vermelha, aguentei uns escassos segundos entre umas miúdas que rodopiavam, para mostrar as toilletes e as declarações sempre fantásticas da Lili Caneças.
A entrada patética da Bárbaba agarrado ao saxofone deveria bastar para me por a léguas. Mas não. Insisti.
A Bárbara, que muito aprecio quando devidamente tratada no Photoshop, está com uma conversa de xaxa.
Por cada vez (reparei em três) que mudava de fatiota ficava com umas mamocas que não tinham nada a ver com as que usara anteriormente.
E aquela farda dourada, um palmo acima dos joelhos à frente e com rabona na parte de trás, ficava-lhe absolutamente ridícula.
A fulana de Alcobaça que canta Amália, fica completamente sem jeito dentro do vestido comprido.
Primeiro está demasiado gorda para aquela farpela. Depois torce-se toda, num jeito sem jeito. E aquelas tatuagens num vestido de noite... são de um mau gosto sem precedentes.
A Eunice Muñoz, suspeito, pela reverência que lhe prestam, seja uma séria candidata a deitar-se ao lado da Amália no Panteão Nacional.
E é começar a pensar em alargar o dito para albergar todo o estrelato nacional.
O Cristiano ganhou ao Bruno Alves - um senhor - ao puto do sporting e a outro que já nem me lembro quem. Que puta de surpresa!!!!
No prémio revelação (?) do cinema estava lá uma gaja com umas beiçolas vermelhas que metiam medo. Ao que parece, alguém lhe deve ter dito que eram - as beiçolas - muito sexys. Um pavor!
E assim de repente não me lembro de mais nada dos prémios " O melhor lá de casa".

12 comentários:

Blimunda disse...

Só vi a parte em que a Bárbara entra dentro do embrulho de prendas de Natal. O dourado! E a avaliar pelo teu relato e confirmando o que já suspeitava, o resto foi única e simplesmente uma passerelle de meter nojo. Como não podia deixar de ser!

Anónimo disse...

Eu gostei.Tirando uma ou outra queda para o pshisbeque, gostei.
É um atrevimento gostar do que quer que seja neste pís.
Cansa-me a dimensão das lentes com que olhamos tudo o que vem de fora. Necessáriamente ampliado.

Anónimo disse...

"País"

Mofina Mendes disse...

A coisa foi tão horrenda que nem me deu o sono.

jg disse...

BLIMUNDA:
A surpresa do costume.

ANÓNIMO:
Atrevido não é sinónimo de ousado!!

MOFINA:
Não dormes e depois sonhas ir Serra da Lousã abaixo...
Vê se dormes.

Anónimo disse...

Para quem viu só 5 minutos, viu muita coisa :))

Amélia

jg disse...

AMÉLIA:
Vi mt mais do que o relatado. Só que não me lembro nem me esforço para tal.
Cinco minutos de TV é um tempão!!

Anónimo disse...

Foi um bocadinho mais de 5 minutos.

bonifaceo disse...

Sempre a criticar-me e viste essa treta?! Devias ter vergonha!

jg disse...

ANÓNIMO:
Eu disse que vi cinco minutos, repartidos!

BONIFÁCEO:
Se não visse como poderia criticar?!
Para que raio serve a vergonha?! Já tive, quando era puto!

privada disse...

Ei pá JG, fogo porque é k nao te liguei, tive ks vai e nao vai para apostar com uns tipos ke a gaija de vestido tbm era a Barbara e eles diziam ke nao , ke a outra parecia um cadaver, e a k tinha grandes mamas é ke era a Barbara, k nao tinha nada a ver com essa k não tinha mamas, eh pá tinha ganho 50 euros, fogo, não acredito, eu sabia k era ela pá, fogo!

Carlota disse...

Eu falhei os Globos de Ouro. Mas fiquei encantada com o relato.